Página gerada às 23:23h, domingo 19 de Novembro

Aurélio Guterres: Futuro de Timor-Leste na ASEAN debatido em dezembro em Bali

14 de Novembro de 2017, 22:51

A adesão de Timor-Leste à ASEAN vai ser debatida no próximo dia 05 de dezembro num encontro técnico em Bali, na Indonésia, disse hoje à Lusa o ministro dos Negócios Estrangeiros timorense, Aurélio Guterres.


"Em princípio, todos os membros dão todo o apoio ao processo de adesão de Timor-Leste à ASEAN", disse Aurélio Guterres à Lusa, depois de liderar a delegação timorense que participou na cimeira da Associação de Nações do Sudeste Asiático (ASEAN) em Manila.

"No dia 05 de dezembro em Denpasar (Bali) haverá um encontro para discutir o resultado das avaliações feitas pelo grupo de trabalho da ASEAN, liderado pelas Filipinas", frisou.

A possibilidade de adesão de Timor-Leste à ASEAN – em que tem atualmente o estatuto de país observador - está na agenda da diplomacia timorense há vários anos sem que tenha havido nas últimas cimeiras qualquer avanço concreto.

Fontes diplomáticas citadas pela imprensa regional referem que os 10 membros da ASEAN concordaram em adiar, para já, a adesão timorense, com países como Singapura a expressar preocupação sobre a capacidade de Timor-Leste cumprir todos os requisitos a que a adesão obrigaria.

Ao que tudo indica, o encontro de Bali servirá para analisar um estudo de viabilidade sobre a preparação de Timor-Leste para cumprir os critérios de adesão, em áreas como política, segurança, economia e temas sociais.

Em dezembro do ano passado, Timor-Leste obteve o estatuto de observador na Organização Mundial do Comércio (OMC), com a organização a dar como argumentos para conceder esse estatuto o grau de preparação que o país já tinha feito a pensar na adesão à ASEAN.

A ASEAN está construída, basicamente, sobre a OMC, o que significa que os preparativos de Timor-Leste para aderir à organização implicam que o cumprimento dos critérios para adesão à OMC já está mais avançado", disse Maika Oshikawa, da divisão de adesão da OMC, em declarações à Lusa no ano passado.

Lusa

 


Comentários

Critério de publicação de comentários