Página gerada às 22:03h, sabado 21 de Abril

Timor-Leste/Eleições: Campanha começa sem grandes incidentes, continuam preparativos

12 de Abril de 2018, 19:00

Os primeiros dias da campanha para as eleições legislativas antecipadas de 12 de maio em Timor-Leste decorreram sem grandes incidentes e sem qualquer queixa de partidos políticos, disse hoje o presidente da Comissão Nacional de Eleições (CNE).


Em conferência de imprensa, Alcino Baris disse que desde terça-feira, quando começou a campanha, registaram-se apenas "pequenos incidentes" que foram "resolvidos de imediato", incluindo a colocação de uma bandeira partidária numa escola.

"A CNE continua vigilante e a acompanhar toda a campanha. Foi pedido aos media para que mantenham o esforço de noticiar com veracidade e dando informação adequada", disse Baris.

A conferência de imprensa decorreu ao fim de um encontro alargado de responsáveis da CNE e do Secretariado Técnico da Administração Eleitoral (STAE) para confirmar o número de eleitores recenseados e aspetos relacionados com os centros de votação.

Os dados provisórios apontam a que estejam habilitados a votar um total de 788.820 eleitores, dos quais 1.532 na Austrália, 537 na Coreia do Sul, 1.286 na Irlanda do Norte (onde haverá locais de votação pela primeira vez), 778 em Portugal e 2.128 no Reino Unido.

A previsão é de que sejam preparados um total de 855 centros de votação, dos quais nove na diáspora, e um total de 1.118 estações de voto.

Os valores definitivos devem ser remetidos hoje pelo STAE para publicação no Jornal da República.

Lusa

 


Comentários

Critério de publicação de comentários