Página gerada às 00:59h, quinta-feira 06 de Dezembro

Ex-PM guineense Umaro Sissoco Embaló é candidato do Madem às presidenciais de novembro

12 de Agosto de 2019, 20:46

O ex-primeiro-ministro guineense Umaro Sissoco Embaló será o candidato do Movimento para a Alternância Democrática (Madem) às presidenciais de 24 de novembro, disse à Lusa fonte do segundo partido mais votado nas ultimas legislativas na semana passada.


De acordo com a fonte, Sissoco Embaló acabou por ser o único candidato escrutinado pelo conselho nacional do partido, uma vez que as outras duas pessoas que estavam em liça nas primárias, o atual Presidente guineense, José Mário Vaz, e o advogado Carlos Vamain, não se encontravam fisicamente na sala da reunião.

Segundo Rui Nene Djatá, presidente da comissão eleitoral, que presidiu às primárias do Madem, Umaro Sissoco Embaló recolheu o voto favorável dos 297 membros do conselho nacional (órgão máximo entre congressos), 107 contra e 24 conselheiros abstiveram-se.

Participaram no processo das primárias do Madem 428 conselheiros, dos 617 que compõem o órgão.

Nascido em Bissau, em setembro de 1972, Umaro Sissoco Embaló, general na reserva, foi primeiro-ministro guineense entre novembro de 2016 e janeiro de 2018.

Lusa

 


Comentários

Critério de publicação de comentários