Página gerada às 23:06h, domingo 20 de Outubro

Efemérides Lusa - 24 de setembro

22 de Setembro de 2019, 08:01

Lisboa, 22 set 2019 (Lusa) - Principais acontecimentos registados no dia 24 de setembro, Dia da sensibilização para o cancro da tiroide:

1501 - Nasce, em Pavia, o matemático italiano Gerolamo Cardano, autor dos primeiros estudos sobre o cálculo de probabilidades.

1541 -- Morre, aos 47 anos, o médico e químico suíço Paracelso.

1731 -- O Vaticano concede o cardinalato ao núncio de Lisboa.

1789 -- Morre, com 60 anos, o jurista Pascoal de Melo.

- São criados o Supremo Tribunal e o serviço dos Correios dos EUA.

1834 -- Morre, com 35 anos, D. Pedro IV, rei de Portugal e primeiro imperador do Brasil.

1896 - Nasce o escritor norte-americano Francis Scott Fitzgerald, autor de "O Grande Gatsby" e "Terna é a Noite".

1943 - II Guerra Mundial. O Exército Vermelho atravessa o rio Dniepr. Os alemães recuam.

1961 -- Nasce o Totobola, o primeiro jogo de apostas mútuas português.

1966 - Guerra Colonial. A embaixada portuguesa em Leopoldville, Congo, é invadida numa manifestação de protesto à política colonialista do ditador Oliveira Salazar.

1973 - A Assembleia Nacional Popular da Guiné-Bissau, eleita em 1972, reúne-se em Madina do Boé, e proclama a independência. Luís Cabral é eleito presidente do Conselho de Estado. O novo país é reconhecido no âmbito da ONU.

1980 - Guerra Irão-Iraque. Tropas iraquianas atravessam a fronteira para Norte e destroem a refinaria de Abadan.

1984 -- Morre, com 69 anos, o poeta francês Pierre Emmanuel.

1985 - A polícia de Los Angeles publica o relatório sobre a atriz Marilyn Monroe, confirmando o suicídio como causa da morte.

1987 -- Morre, com 60 anos, o cineasta e coreógrafo norte-americano Bob Fosse, realizador de "All that Jazz".

1988 -- Morre, aos 89 anos, a atriz portuguesa Cremilde Torres.

1996 - Os EUA, China, França, Rússia e Reino Unido assinam, em Nova Iorque, o Tratado para a Proibição Total dos Ensaios Nucleares.

1999 - O secretário de Estado da Cooperação, Luís Amado, é o primeiro governante português a visitar Timor-Leste em 24 anos.

2004 -- Morre, com 69 anos, Françoise Sagan, pseudónimo da escritora francesa Françoise Quoirez, autora de "Bom-dia Tristeza".

2006 - "Rapace", primeira curta-metragem de ficção do cineasta João Nicolau, vence o Prémio do Júri do XI Festival de Cinema de Milão.

2008 - Um dos projetos portugueses apresentados no Concurso Europeu de Jovens Cientistas, em Copenhaga (Dinamarca), da autoria de três alunos, de Ovar e Arouca, conquista um dos Prémios Especiais da competição, alusivo às alterações climáticas.

- Morre, aos 83 anos, o escritor Dias de Melo.

2009 -- Gripe A (H1N1). É confirmada a primeira morte por gripe A em Portugal. Um homem, de 41 anos, estava internado no Hospital de Santo António em processo de rejeição de um rim.

- O Conselho de Segurança da ONU aprova por unanimidade a resolução que visa a eliminação das armas nucleares de todo o mundo. - O escritor peruano Mario Vargas Llosa é distinguido com o Prémio Internacional de Ensaio Caballero Bonald pela obra "El viaje a la ficción", na qual reflete sobre a vida e o mundo literário do uruguaio Juan Carlos Onetti.

2014 - O acordo para o aumento do salário mínimo nacional para 505 euros é fechado entre as confederações patronais, o Governo e a UGT.

- Morre, aos 73 anos, Christopher Hogwood, cravista e maestro britânico, em Cambridge (Reino Unido).

2017 - A chanceler alemã, Angela Merkel, vence as eleições legislativas mas sem maioria.

- Os portugueses Ricardo Melo Gouveia e Filipe Lima fazem história ao terminarem empatados no quinto lugar a 11.ª edição do Portugal Masters em golfe, disputado em Vilamoura e na qual o dinamarquês Lucas Bjerregaard vence a prova.

- O ciclista eslovaco Peter Sagan sagra-se campeão do mundo pela terceira vez e torna-se o primeiro a fazê-lo de forma consecutiva, ao ganhar a corrida de fundo dos Mundiais disputados em Bergen, na Noruega.

- Morre, aos 90 anos, Manuel Martins, bispo de Setúbal entre 1975 e 1998.

- Morre, aos 80 anos, em Loures, João Ferreira-Rosa, fadista que iniciou carreira em 1961, quando atuou pela primeira vez na rádio, e gravou o primeiro disco, em que incluiu "Embuçado", que se tornou o seu "cartão-de-visita".

===============.

Este é o ducentésimo sexagésimo sétimo dia do ano. Faltam 98 dias para o termo de 2019.

Pensamento do dia: "Foi perdido o sentido da densidade e interdependência da vida humana. O humanismo é a última resistência de que dispomos". Edward W.Said (1935-2003), escritor, ensaísta, professor norte-americano de origem palestiniana.

Lusa/Fim.


Comentários

Critério de publicação de comentários