Página gerada às 12:33h, terça-feira 10 de Dezembro

Consultoras estimam queda de 10% nas receitas do jogo em Macau em novembro

19 de Novembro de 2019, 22:30

Macau, China, 19 nov 2019 (Lusa) - As consultoras especializadas na indústria do jogo Jefferies e Citi consideraram hoje que as receitas deste setor em Macau devem cair mais de 10% em novembro devido aos protestos em Hong Kong, que estão a afastar os jogadores.

De acordo com a agência de informação financeira Bloomberg, a consultora Jefferies antevê uma queda de 10 a 13% nas receitas do jogo em Macau devido ao cancelamento de viagens para o território, o que resulta num abrandamento do crescimento do setor.

Para a consultora Citi, a queda nas receitas deverá chegar aos 10%, já que a escalada de violência em Hong Kong está a afastar os jogadores da província de Guangdong.

A contestação política foi desencadeada pela apresentação de uma proposta de alteração à lei da extradição, que permitiria ao Governo e aos tribunais da região administrativa especial a extradição de suspeitos de crimes para jurisdições sem acordos prévios, como é o caso da China continental.

A proposta foi, entretanto, formalmente retirada, mas as manifestações generalizaram-se e reivindicam agora a implementação do sufrágio universal no território, a demissão da atual chefe do Governo, Carrie Lam, uma investigação independente à violência policial e a libertação dos detidos ao longo dos protestos.

MBA // JH

Lusa/Fim


Comentários

Critério de publicação de comentários